25 e 26 de Maio 2024

Retiro de formação

Massagem tailandesa ao tronco superior

Currículo da Sensib – Escola de massagem Tailandesa e Yoga

imagem pagina evento site_tronco superior

2 dias de treino intensivo

Grupo de apoio privado online

Formato de ensino imersivo

Contacto com a natureza

Workshops disponíveis

O que vai aprender neste curso?

  • Currículo profissional de massagem.
  • Técnicas para os ombros, peito, pescoço, cabeça e cara
  • Efetuar as técnicas de forma eficaz e segura.
  • Reconhecer e estar consciente das contraindicações e zonas de precaução
  • Efetuar uma massagem ao tronco superior de 1 hora
  • Testes de avaliação estrutural da coluna cervical

Aprofunde as suas competências nas terapias manuais

Uma das áreas em que falta a massagem é a parte superior do corpo, especificamente o pescoço, cabeça, ombros e cara. O pescoço na massagem tailandesa é frequentemente negligenciado ou abordado com técnicas demasiado subtis. Com a cabeça e a cara acontece quase o mesmo.
Para preencher essa lacuna, a SENSIB ensina este protocolo de massagem ao tronco superior, numa formação que habilita os alunos a efetuar as técnicas necessárias para uma massagem completa ao tronco superior em dois dias de formação intensiva.
Esta massagem pode tornar-se parte integrante de uma massagem de corpo inteiro, mas é igualmente uma massagem independente por mérito próprio.
Nesta massagem são usadas técnicas mais suaves nos tecidos conjuntivos e músculos da face, tórax, pescoço, ombros e couro cabeludo. O objetivo é liberar a tensão acumulada nem estruturas afetadas pela vida sedentária, má postura e problemas emocionais, com sintomas que podem ir da rigidez, falta de flexibilidade, cefaleias ou dores na coluna cervical e costas.

Os formadores do curso

Alguns testemunhos dos nossos cursos

O programa do retiro

Chegada

18:00 - Chegada dos alunos
18:30 - Lanche / Jantar
19:30 - Apresentação e Boas-vindas
22:00 - Silêncio

1º dia

06:00 - Higiene pessoal
06:30 - Wai Kru e meditação
07:00 - Aula de Hatha Yoga
08:00 - Karma yoga / Pequeno almoço
09:00 - Aula prática
12:30 - Karma Yoga / Almoço
13:00 - Almoço (vegetariano)
14:00 - Aula prática
16:00 - Tempo livre
16:30 - Estudo
18:30 - Karma Yoga / Jantar
19:30 - Tempo livre
22:00 - Silêncio

2º dia

06:00 - Higiene pessoal
06:30 - Wai Kru e meditação
07:00 - Ouvir, refletir e meditar
08:00 - Karma yoga / Pequeno almoço
09:00 - Revisões / Exame prático
12:30 - Karma Yoga / Almoço
13:00 - Almoço (vegetariano)

Não perca a oportunidade de acrescentar valor à sua atividade

Quero ser contactado

Perguntas frequentes

A todos aqueles interessados em adquirir mais competências na área das terapias manuais. Não é necessário ter experiencia prévia nem estudos. É importante, no entanto, entender que um curso com esta duração, embora intenso, foca-se essencialmente na parte prática, capacitando o aluno para fazer uma massagem profissional para fins de relaxamento.

A inscrição torna-se efetiva através do pagamento da taxa de inscrição (100€) e do envio do comprovativo da transferência para o email info@sensib.pt

O restante pagamento (150€) deve ser feito até ao fim de semana que antecede o início do curso.

Os pagamentos são feitos por transferência bancária para o IBAN: PT50 0035 0454 0000 3247000 40

Entre os dois pagamentos o aluno/a irá receber um email com alguma documentação que deverá ler com atenção e depois preencher e imprimir, trazendo assinada no 1º dia do curso.

Se o aluno se esquecer de trazer a documentação solicitada, nós imprimimos e fornecemos outras cópias com um custo adicional de 5€

No caso de desistência por parte do aluno, o valor da inscrição pode transitar para um novo curso a realizar numa data posterior. Desde o momento em que o aluno se inscreve efetivamente, o lugar fica cativo e impede-nos de aceitar novos alunos no caso da turma estar completa, ou de promover nova publicidade em tempo útil.

Se o curso não se puder realizar por alguma condição da nossa parte os valores entregues são devolvidos.

O conhecimento básico de anatomia esquelética e muscular tornam a transmissão de conhecimento mais fácil e a prática mais eficáz.

Fumar nas instalações dentro ou fora do horário do retiro, é proibido.
O cheiro a tabaco incomoda os outros participantes e deixa o ambiente desagradável.

O objectivo de um formato imersivo deste género é o desafio de sairmos da nossa zona de conforto.
Nesse espaço menos familiar e desafiante é mais fácil estar atento e reconhecer hábitos e padrões mentais reativos. Comer fora do espaço das refeições é desencorajado, pois viola esse princípio de treino pessoal.

As refeições são vegetarianas ou veganas.

 

A resposta mais curta é: praticar, praticar, praticar.
Os tempos livres são divididos entre tempo de estudo pessoal e actividades sugeridas no programa do retiro.

Essas actividades podem, mediante a altura do ano e outras condições, ser divididas entre workshops facultativos, caminhadas pelos trilhos naturais que circundam a aldeia onde estamos instalados, visitas a locais de interesse para aquisição de produtos locais, banhos no rio Mondego ou actividades de grupo de reflexão, ou prática.

É sempre possível e desejável procurar novas técnicas que ajudem a enriquecer as nossas competências técnicas e entendimento.
No entanto, é necessário estar atento para poder filtrar a oferta disponível de forma a garantir que esta é genuína e tem o potencial de benefício que reinvidica.

Karma-yoga é a acção dedicada ao bem comum. É a execução da acção em união com o caminho espiritual que procura a satisfação polo cumprimento de uma acção meritória, independentemente do reconhecimento ou elogios que possa trazer.

A ação prende a pessoa ao mundo fenomenal (samsara) quando é ditada pelo ego, quando está imbuída do sentido de receber em troca. Mas quando a acção é desinteressada e bem intencionada, sem esperar frutos, ela é libertadora. O karma (acção) torna-se Karma-yoga.

No contexto do retiro, é a acção que envolve o praticante na atenção ao que é necessário para ajudar nas tarefas diárias, como ir buscar o pão, ajudar na confeção das refeições, limpezas etc.

Localização

A aldeia da Abrunhosa do Mato pertence ao concelho de Mangualde, uma cidade portuguesa do distrito de Viseu, situada na província da Beira Alta, região do Centro (Região das Beiras) e sub-região do Viseu Dão-Lafões. Tem uma localização privilegiada a 30 minutos de Viseu e da Serra da Estrela.

O vale do Mondego passa aos seus pés, e está cercada por trilhos que possibilitam excelentes passeios a pé ou de bicicleta por meio de pinhais, vales montes e campos de cultivo onde as vinhas do famoso vinho Dão são uma constante da região.

As rotas cénicas, as práias fluviais, os produtos típicos da região e as termas de Alcafache e S. Pedro do Sul atrai tanto turistas de longa duração como pessoas à procura de um fim-de-semana de descanso e descoberta. 

As possibilidades gastronómicas incluem enchidos, rojões à moda de Mangualde acompanhados de vinhos do Dão, com maçã assada e requeijão/queijo da serra com doce de abóbora de sobremesa, o pastel de feijão (doce conventual de Mangualde). O pão regional, e a famosa Chanfana – um prato à base de carne de cabra, tradicionalmente já velha, assada dentro de caçoilas de barro preto em fornos a lenha, mergulhada em vinho tinto, alho, folhas de louro, pimenta, colorau e sal.

Saiba mais sobre os nossos cursos

Coloque-nos as suas questões através do formulário abaixo. Entraremos em contacto consigo para tirar as suas dúvidas

Contactos

Este website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de utilização deste website. Veja aqui a nossa Política de Privacidade.